Vereadores estão recebendo os resultados do auditor, contratado pelo Legislativo e se espantam com o déficit do hospital deixado pela intervenção do ex-prefeito Sérgio de Mello, através do interventor Wellington Campos

Durante a última sessão ordinária da Câmara Municipal, realizada na noite de terça-feira (29), dois assuntos monopolizaram os pronunciamentos dos vereadores. O primeiro foi o bloqueio judicial de recursos na conta da Sociedade Guairense de Beneficência, a SOGUBE. Já o segundo abordou a situação da Santa Casa de Misericórdia de Guaíra.

Coincidência ou não, as duas entidades ainda sofrem os reflexos negativos de ações promovidas pela administração do ex-prefeito Sérgio de Mello. A Santa Casa passou por intervenção da administração anterior e agora está com uma dívida que ultrapassa os R$ 5 milhões.

Continue lendo no site do Jornal O Guaíra: Quase R$ 6 milhões de dívidas: auditoria na Santa Casa aponta graves erros da antiga gestão – Jornal O Guaíra