adriano

O aluno Adriano Robson de Andrade do 6º. Período de Sistemas de Informação desenvolveu o software denominado ISA -Implementation of Software for Visual Accessibility for Law Student.

 

Em função deste projeto, o aluno foi aprovado e convidado a expor seu trabalho na Conferência Iberoamericana de Complexidade, Informática e Cibernética – CICIC 2017 em Orlando, Flórida, EEUU em março de 2017.

Tendo como base as necessidades específicas de uma pessoa com deficiência visual, o software visa facilitar a consulta ao conteúdo teórico necessário ao curso de nível superior convertendo as consultas daaluna em áudio e proporcionando suporte ao seu processo educacional/acadêmico.Este software possui as características de respostas rápidas em relação às consultas, as quais retornam por meio da placa de som quando realizadas as buscas por códigos/artigos. Após ter sido concluído com êxito o software, acrescentou-se a função de abertura do programa por meio de trilha sonora, escolhida pelo usuário.

O software foi desenvolvido em linguagem Visual C# 2010 Express, Microsoft, no qual foi explorado o recurso de sintetizador de voz da plataforma.   Após a realização e entrega do software objetivou-se o entretenimento da discente, visto que, no mercado não existem softwares para o mesmo. Hoje o software além de conter as disciplinas de seu curso contém jogos de memória nos quais é possível utilizar os jogos com 1 jogador, 2 jogadores ou um jogador e o computador.

A coordenadora e orientadora Me. Maria Ludovina (Bina), ressalta que o projeto implantado supriu satisfatoriamente todos os requisitos  solicitados. Depois de realizados a entrega e os testes de software verificou-se o êxito obtido já nas primeiras versões do programa, o aprimoramento do crescimento acadêmico da aluna e a real inclusão da mesma ao curso escolhido.

O Núcleo de Acessibilidade junto ao Departamento de Sistemas de Informação da Faculdade Barretos através da tríade “pesquisa-ensino-extensão” avança na política de inclusão, sendo fundamental o conhecimento e a garantia de acessibilidade aos discentes, gerando uma educação inclusiva e formando cidadãos.

Coordenação, direção e professores estão muito felizes com o reconhecimento e sucesso dos projetos/softwares desenvolvidos no curso de Sistemas de Informação e parabeniza o aluno pelo seu desenvolvimento acadêmico e a criação de uma ferramenta que promove a inclusão.