Renato foi um dos mais inconformados após a eliminação do Flamengo (Foto: Alexandre Vidal/FlaImagem)

Renato foi um dos mais inconformados após a eliminação do Flamengo (Foto: Alexandre Vidal/FlaImagem)

Eliminado do Campeonato Carioca e da Copa Libertadores, o Flamengo só voltará a fazer um jogo oficial dia 20 de maio, contra o Sport, quando começa do Brasileirão. Motivo de piada por parte de Felipe, do Vasco, mas, na prática, situação preocupante.

São quase 30 dias até o próximo compromisso. Se realizada uma pré-temporada bem feita, pode ajudar, mas a perda de ritmo de jogo será grande. Então, são duas possibilidades para abordar.

Positivo: se souber aproveitar o tempo, os jogadores do Flamengo podem chegar fisicamente bem, principalmente para manter o bom nível até o fim do Brasileirão. Vai sofrer menos do que os outros com lesões musculares, haverá balanço entre descanso e trabalho, e o parte tática também poderá ser intensificada. Mas é preciso promover coletivos e amistosos. E nada de falta aos treinamentos.

Negativo: a perda de ritmo de jogo atrapalha. Para mantê-la, só com jogo-treino e amistosos, mas desde que simulem um confronto de campeonato. Disputado e com alta intensidade. De preferência, até duas vezes por semana, revezando os jogadores. A parte psicológica também fica enfraquecida. Ver todos jogando, principalmente rivais, incomoda. Pode bater desânimo no dia a dia, além de problemas fora de campo.

O primeiro passo da comissão técnica é rever o planejamento. Definir novos ciclos, com o próximo (até o início do Nacional) bem específico, é uma boa saída. É preciso refazer toda a periodização, já que a programação no início da temporada não é mais válida. Caso contrário, se quiser trabalhar só com “achismo” e sem organização, a tendência é fracassar também no segundo semestre.

[author] [author_image timthumb=’on’]http://www.guairanews.com/wp-content/uploads/2012/03/Saraceni.jpg[/author_image] [author_info]GABRIEL SARACENI – Bacharel em Esporte pela USP desde 2005, tem 29 anos e se formou também em Jornalismo em julho de 2010, pela UNIP. Neste espaço, vai abordar temas relacionados à ciência das modalidades, como tipos de treinamento, preparação física, nutrição, fisiologia e suas ramificações. Um pouco de teoria sobre o esporte não faz mal a ninguém. Twitter: @gabrielsaraceni[/author_info] [/author]

fonte: Raio X do Esporte