[Opinião] Vazio em Manhattan, Várias Consequências – por Gabriel Ogata Nogueira


Sim, Há 11 anos o mundo assistia um dos eventos que marcaria o século XXI, o 11 de setembro. Desde então muita mudanças irreversíveis ocorreram no planeta, com iniciativa norte-americana, sob a desculpa de proteção e o objetivo de desmantelar e palpitar em regimes do Oriente Médio, coincidentemente o lugar onde se concentra as maiores áreas de extração de petróleo. Eis algumas delas:

– A sociedade norte-americana se tornou paranoica, observando meticulosamente seus cidadãos, nascidos ou não em solo americano. O maior exemplo disso é o Ato Patriótico, ou a autorização do governo em vasculhar TUDO que as pessoas consomem por meio de 2ªs vias

– As ‘injustiças’ no Oriente Médio, tema de discursos Bushinianos, não foram resolvidos: Existem membros clandestinos das redes Talibã e Al-Qaeda, Iraque e Afeganistão ainda sofrem com conflitos civis ou com soldados estrangeiros e Ahmadinejad continua a toda com seu projeto nuclear, seja lá qual for;

– Alguns países deixaram de ser apoiadores convictos do americanos em ações de guerra. A tal da globalização hoje exige uma reestruturação de uma crise que se arrasta há 4 anos (2008), e a relação custo-benefício no investimento na indústria bélica em tempos de paz é arriscado. Fosse assim a Coreia do Norte era um país desenvolvido.

– Os países com maioria muçulmana foram mais notados em se tratando de mídia (Al-Jazeera), economia (Emirados Árabes) e revolução (Primavera Árabe)…destaque para os magnatas com alto poder de compra e transformações antes inviáveis, vide Dubai.

– Os filmes ‘American Flag’ bombaram em Hollywood: se estava na mesmice retratar vilões russos ou asiáticos, nada melhor do que um terrorista árabe ou um ditador fundamentalista para servir de inspiração aos atores brucutus (que venha Os Mercenários 3 pra comprovar)

– Saddam, Muammar, Mubarak, Osama (?): ditadores e tiranos enfim foram depostos e mortos, mas a situação de seus países ainda é incerto. Intervenção permanente? Poder ao exército? Eleições democráticas (Sunitas ou Xiitas)? É muita informação nova para povos que tiveram até a internet restrita. pode isso Bashar al Assad?

– As imigrações foram revistas: se até o 11/9 era comum os países ricos absorverem mão-de-obra dos países em desenvolvimento, o que se viu depois foram restrições aos vistos de passaporte, resultando em saldos mais negativos do que positivos, mandando de volta civis que buscavam melhores oportunidades ao invés de ameaças.

[author] [author_image timthumb=’on’]http://www.guairanews.com/wp-content/uploads/2012/04/gabrielogata.jpg[/author_image] [author_info]Gabriel Carlos Ogata Nogueira é graduado em História pela Unimep (2008), pós-graduado em História do Brasil e da América no Cenário Geopolítico Contemporâneo pela Unifran (2011) e formando em Geografia pela Unifran (2012). Professor nas escolas Centro Educacional Ana Lelis Santana e Escola de Educação Básica e Educação Profissional Irum Curumim. Autor do Blog http://autoparapessoas.wordpress.com/[/author_info] [/author]

Publicidade:
Anterior 1º RED SKATE acontece durante o Guaíra Open 2012
Próxima Senac Barretos abre inscrições para curso na área de gastronomia