CURSO GRATUITO CAPACITA PROFISSIONAIS DA SAÚDE EM EMERGÊNCIAS RESPIRATÓRIAS E VENTILAÇÃO ARTIFICIAL

O pulmão é o órgão mais atingido pelo novo coronavírus.

A doença causa uma inflamação intensa nos alvéolos, estruturas responsáveis pelas trocas gasosas, e em alguns casos, o tratamento deixa cicatrizes irreversíveis, conhecidas como fibroses. Ter uma equipe médica que sabe como proceder é essencial, por isso, o Centro Universitário Internacional Uninter e o Instituto Wilson Picler oferecem gratuitamente, o curso de Emergências Respiratórias: Ventilação Artificial.

“Essa iniciativa permite que as pessoas possam capacitar-se de forma gratuita em meio a uma situação de pandemia, sem sair da segurança de suas casas. Muitos profissionais de saúde não possuem conhecimento com o manejo de quadros respiratórios de paciente crítico. Visto que a força de trabalho nesse setor aumentou exponencialmente, nosso curso possibilita a este profissional, a ampliação dos conhecimentos”, explica Cristiano Caveião, que é enfermeiro e coordenador da área da saúde da Uninter.

Mais de duas mil pessoas já estão inscritas e vão estudar temas como: Anatomia e Fisiologia do Sistema Respiratório, Controle Neurológico da Respiração, Exame Físico e Principais Sinais, e Sintomas Relacionados ao Sistema Respiratório, Via Aérea Artificial, Ventilação Mecânica: conceitos básicos e Análise Gráfica das Curvas Ventilatórias (Pressão, Fluxo e Volume).

“Essa capacitação é válida para qualquer momento, sem distinguir que estamos passando por uma pandemia, pois sempre temos situações graves relacionadas a doenças respiratórias em nosso país, principalmente com a chegada do inverno ou no caso do verão, com o aumento dos acidentes automobilísticos”, comenta Caveião.

O curso tem carga horária de 60 horas, é gratuito e dá direito a certificado. As inscrições podem ser realizadas pelo link: https://www.uninter.com/extensao/gratuitos/

Publicidade:
Anterior MITOS E VERDADES SOBRE A APLICAÇÃO DE BOTOX
Próxima DOCUMENTÁRIO "DON DIEGO - CARNE, OSSO E CORAÇÃO" GANHA EXIBIÇÃO NAS REDES DO MUSEU DO FUTEBOL