Pular para o conteúdo
Início » Barbatuques lança nova música inspirada nos batimentos cardiacos

Barbatuques lança nova música inspirada nos batimentos cardiacos

O som da batida do coração é a principal inspiração da música “Mais forte o tambor”, uma composição especial do grupo Barbatuques para embalar a nova campanha da Boehringer Ingelheim e da Eli Lilly do Brasil.

Intitulada “Dê um Play na Vida – não deixe o diabetes ou a insuficiência cardíaca pausar seu coração”, a campanha de conscientização incentiva a população a cuidar da saúde do coração e convida o público a dar aquele “play” para aproveitar todos os momentos da vida.

“A ideia da letra e da melodia surgiram de uma maneira muito especial. O som do coração é único, latente, poderoso, potente. Traduzi-lo em uma música que ressalte a importância de cuidar da saúde desse órgão vital para dar um play na vida, com esperança, simplicidade e qualidade, é lindo, é inspiracional. É compreender que cuidar da nossa saúde é ponto fundamental para termos uma vida saudável e repleta de emoções”, ressalta André Hosoi, compositor da canção, músico, produtor e arte-educador do grupo de percussão corporal Barbatuques.

A música “Mais forte o tambor”, da campanha “Dê um Play na Vida – não deixe o diabetes ou a insuficiência cardíaca pausarem seu coração”, já está disponível para ouvir e baixar nos canais do Barbatuques no Deezer e no Spotify. No site oficial da campanha é possível ter acesso à conteúdos sobre a campanha e descobrir como não deixar essas doenças pausarem nossas vidas e dar um play para aproveitar cada momento.

Sobre a aliança Boehringer Ingelheim e Eli Lilly

Comprometidos com a saúde e a qualidade de vida dos pacientes com diabetes e suas necessidades durante todas as fases do tratamento, as companhias Boehringer Ingelheim e Eli Lilly decidiram, em 2011, unir forças e estabeleceram uma parceria no segmento. Essa aliança alavanca os pontos fortes de duas das maiores empresas farmacêuticas do mundo. A Boehringer Ingelheim com seu compromisso com investimento em pesquisa e desenvolvimento de novos medicamentos de alto valor terapêutico para medicina, aliada ao pioneirismo da Eli Lilly – com a primeira insulina comercializada em 1923. Ao juntar forças, as companhias demonstram ainda mais compromisso com os pacientes com diabetes.

Sobre a Boehringer Ingelheim

A Boehringer Ingelheim está entre as 20 principais farmacêuticas do mundo e é a maior de capital fechado, com cerca de 52 mil funcionários globalmente. Desenvolve soluções de saúde com grande valor e impacto para pessoas e animais e atua há mais de 130 anos, justamente, para trazer soluções inovadoras em suas três áreas de negócios: saúde humana, saúde animal e fabricação de biofármacos. Em 2020, obteve vendas líquidas de 19,6 bilhões de euros e investiu 3,7 bilhões de euros em Pesquisa e Desenvolvimento, aproximadamente 19% das vendas líquidas. No Brasil há quase 70 anos, a Boehringer Ingelheim está instalada no estado de São Paulo, com escritório na capital e fábricas em Itapecerica da Serra e Paulínia, mas atua em todo território nacional. Pelo quinto ano consecutivo, a empresa foi reconhecida pela certificação Top Employers, que elege as melhores empregadoras do mundo por suas iniciativas de recursos humanos.

Sobre Eli Lilly and Company

A Lilly é uma líder global em assistência médica que une o cuidado à descoberta para melhorar a vida de pessoas em todo o mundo. Fomos fundados há mais de um século por um homem comprometido em criar medicamentos de alta qualidade que atendam às necessidades reais e hoje permanecemos fiéis a essa missão em todo o nosso trabalho. Em todo o mundo, os funcionários da Lilly trabalham para descobrir e levar medicamentos que mudam a vida de quem precisa deles, melhorar o entendimento e o gerenciamento de doenças e retribuir às comunidades por meio de filantropia e voluntariado.

Sobre o Barbatuques

Utilizar o corpo como instrumento musical é a essência do Barbatuques! Reconhecidos internacionalmente pela sua linguagem única de percussão e música corporal, o Barbatuques completou 24 anos atuando como grupo artístico e com atividades também em setores distintos como educação, corporativo e trilhas sonoras.

O grupo foi fundado a partir das pesquisas e criações de Fernando Barba (1971- 2021), músico e criador dessa história. O Barbatuques desenvolveu uma linguagem própria de música, explorando timbres e procedimentos criativos com inúmeras possibilidades de extrair sons do corpo. Atuam com espetáculos musicais, composições de trilhas, treinamentos e oficinas, além dos álbuns e DVDs lançados. Já se apresentaram em mais de 30 países ao redor do mundo, apresentando a música corporal e percussiva em ritmos tradicionais e contemporâneos.