Pular para o conteúdo

Senac Barretos

3 Principais Fatores Que Aumentam Sua Fadiga

Pesquisas indicam que 9 em cada 100 pessoas sentiram, sentem ou irão sentir algum cansaço excessivo por mais de 6 meses ao longo de suas vidas. A maioria das pessoas com fadiga, exaustão, estafa e esgotamento tem seus níveis de atividade geral bastante prejudicados.

Muitos pacientes possuem quadro depressivo associado, mesmo que em níveis discretos. A maioria tem o sono não reparador e devido ao seu estado geral, maior dificuldade em lidar com o estresse do cotidiano.

O médico nutrólogo Dr. Ronan Araujo explica que os quadros de fadiga podem possuir diversos fatores causadores. Algumas vezes, são consequência de excesso de esforço físico, mental ou até mesmo devido à pressão do trabalho, ou estudos. No entanto, na maior parte dos casos, ela se dá em consequência do estilo de vida que levamos.

Confira os maiores fatores causadores de fadiga no dia a dia:

Sedentarismo

Nosso cérebro muitas vezes tende a nos boicotar para não sairmos da famosa zona de conforto, dessa forma, iniciar alguma atividade ou exercício físico pode ser um grande desafio para muitas pessoas, em que acabam entrando no sedentarismo.

Quando o corpo se acostuma com a vida sedentária, é comum bater uma ‘preguiça’ física e mental só de pensar em se movimentar. As pessoas permanecem cada vez mais horas e horas sentadas, na frente de computadores no trabalho e no tempo de descanso, tendem a permanecer na frente da TV ou no celular.

“Além dos prejuízos nos aspectos físicos, como o desenvolvimento de fadiga crônica, aumento do risco para doenças crônicas, por exemplo, diabetes e hipertensão, o sedentarismo também está associado ao risco de desenvolver depressão e transtornos de ansiedade.” alerta Dr. Ronan Araujo.

Sono de má qualidade

Quando não temos uma boa noite de sono, nosso corpo pode vir a apresentar sinais de sonolência, fadiga, falta de concentração/foco, irritação e estresse. O organismo se fragiliza de tal forma que fica mais suscetível à ação de vírus e bactérias causadores de gripes, resfriados e doenças crônicas.

Apenas uma noite maldormida já pode ocasionar uma série de problemas e, de acordo, com o especialista, um terço da população está dormindo 2 a 3 horas a menos do que o necessário, e uma parte, até menos do que isso.

“Um sono de má qualidade e não reparador, além de ser causador da fadiga, pode gerar diversos outros problemas para a saúde, como, por exemplo, comprometer o sistema imunológico, aumentar problemas de memória, diminuir o foco e a concentração até mesmo em atividades simples, descontrolar o apetite, prejudicar a aparência e reduzir o tecido cerebral.” ressalta o médico.

Dieta desequilibrada

Além das atividades que realizamos diariamente, a alimentação também contribui para o cansaço físico e mental.

Excesso de carboidratos, deficiência de proteínas, excesso de gorduras, açucares refinados e uma dieta deficiente em vitaminas e minerais, são grandes contribuintes para o aumento dessa fadiga.

Dr. Ronan Araujo destaca que o excesso dessa má alimentação, sobrecarrega o sistema digestivo, inflama o corpo e subtrai consideravelmente a energia do organismo.

Confira algumas dicas infalíveis para amenizar ou até mesmo acabar com os sintomas de fadiga:

– Mudança nos hábitos de vida;

– Incentivo e orientação para atividade física;

– Melhores hábitos de sono;

– Optar por uma alimentação mais equilibrada e saudável;

– Consultas regulares com o médico nutrólogo;

– Técnicas de relaxamento, como meditação, entre outras medidas.

 

Mais Sobre Dr. Ronan Araujo:

Ronan Licinio de Araujo, conhecido como Dr. Ronan Araujo, é formado em medicina pela Universidade Cidade de São Paulo, médico especializado em nutrologia pela ABRAN (Associação Brasileira de Nutrologia). Com foco em causar impacto e mudar a vida das pessoas através de sua profissão, ele também se tornou membro da ABESO (Associação Brasileira para o Estudo da Obesidade e Síndrome Metabólica), que o leva a ser atualmente um dos médicos que mais conhece e entrega resultados quando falamos sobre emagrecimento e reposição hormonal.

O Dr. Ronan Araujo quer influenciar na mudança de estilo de vida, de hábitos e ajudar as pessoas a viverem mais tempo e com mais qualidade. “Não é apenas sobre emagrecimento, é sobre transformar vidas”, é um dos lemas do médico. Com atendimento único, acolhedor e resultados rápidos na parte da estética e da saúde.

Referência em sua região, no bairro de Tatuapé, em São Paulo, Dr. Ronan Araujo montou seu instituto há 1 ano e 3 meses e, o que antes era uma vida de plantão, atualmente se tornou uma agenda extremamente concorrida. Além disso, recentemente abriu uma clínica em Alphaville e pretender abrir outras clínicas e treinar mais profissionais que sigam a mesma linha.