Gastroenterite viral lota postos de saúde em Guaíra e Barretos

Nos últimos quinze dias foram registrados dezenas de casos diários de viroses gastrointestinais no pronto-socorro e unidades de saúde da família guairenses. Em Barretos, nos plantões do Pronto Socorro Infantil de sábado e domingo últimos, mais de 90% das crianças atendidas tiveram o mesmo diagnóstico.

Nos últimos quinze dias foram registrados dezenas de casos diários de viroses gastrointestinais no pronto- socorro e unidades de saúde da família guairenses. Em Barretos, nos plantões do Pronto Socorro Infantil de sábado e domingo últimos, mais de 90 por cento das crianças atendidas tiveram o mesmo diagnóstico.

A virose é transmitida através do contato com secreções orais, respiratórias ou fezes contaminadas. É de fácil contaminação, manifestando-se com vômitos, diarréia, dor abdominal e febre, podendo durar até dez dias, sendo autolimitada.

O quadro pode se agravar em crianças e idosos por perderem muita água e eletrólitos se desidratando assim. Ás vezes se torna necessário uso de soroterapia endovenosa e internação.

Tivemos 102 atendimentos em 24 horas, sendo que 90 por cento eram de viroses, com grande número de crianças desidratadas“, diz a Enfermeira Renata Orestes do PSI Barretos.

Para prevenir a transmissão se faz necessário boa higiene de mãos e alimentos. A alimentação dos doentes deve ser rica em líquidos, maçã, banana e sopas leves.

Publicidade:
Anterior Busque inspiração
Próxima Equipe Matilha de Guaíra conquista medalhas na 5ª Copa Claretiano de Jiu-Jitsu em Batatais/SP