Sindicato dos Servidores Públicos reivindica Vale Transporte aos servidores que utilizam transporte público

Na tarde de ontem (22/04/2014), foi protocolado na Prefeitura Municipal de Guaíra, um requerimento formal no qual o Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Guaíra, na defesa dos interesses da classe servidora, requer o fornecimento de Vale Transporte aos servidores que utilizam o transporte coletivo (ônibus circular). Saiba tudo.

Sindicato dos Servidores Públicos reivindica Vale Transporte aos servidores que utilizam transporte públicoNa tarde de ontem (22/04/2014), foi protocolado na Prefeitura Municipal de Guaíra, um requerimento formal no qual o Sindicato dos Servidores Públicos Municipais de Guaíra, na defesa dos interesses da classe servidora, requer o fornecimento de Vale Transporte aos servidores que utilizam o transporte coletivo (ônibus circular).

Segundo levantamento realizado, o Sindicato obteve dados que apontam que cerca de 27 servidores municipais que residem em cidades vizinhas utilizam o transporte coletivo para se deslocarem de suas residências até o local de trabalho.

Segundo o Presidente do Sindicato, Dr. Rodrigo Soares Borghetti, a passagem de ônibus circular custa, em média, R$ 5,50, e dessa maneira, cada servidor gasta em média R$ 11,00 por dia (ida e volta), totalizando um gasto mensal de cerca de R$ 220,00.

“Observa-se que os servidores estão tendo um gasto excessivo com transporte de ida e volta ao trabalho, que ultrapassa os 6% previstos no parágrafo único do artigo 4º da Lei Federal 7418/85 e além disso, nosso Estatuto (Lei 2040/2002) prevê claramente, no artigo 191, que o Município oferecerá condições de transporte seguro aos funcionários públicos municipais”, enfatizou o Presidente.

O Requerimento do Sindicato foi protocolado sob o nº 2325/2014 e pode ser ter o andamento acompanhado por qualquer servidor ou cidadão interessado, bastando dirigir-se ao setor de protocolo municipal.

Segundo o decreto que regulamenta os procedimentos administrativos, a Administração tem 15 dias úteis para oferecer uma resposta escrita aos servidores.

fonte: www.sindservguaira.com.br

Publicidade:
Anterior Cabeleireira é encontra morta na varanda de sua residência em Guaíra
Próxima GUINNESS é mais que uma cerveja. É uma lenda!