O documentário, que teve sua estreia em novembro do ano passado, na rede Itaú de Cinema, e que aborda o tema educação sexual na sociedade contemporânea, ganha sua versão em DVD, à venda a partir de 11 de abril, e On Demand – adquirido pelo NOW, da NET – que estará disponível, em breve, na plataforma. Produzido pela Sincronia Filmes, o longa é o primeiro trabalho nesse formato da produtora paulistana, e agora também distribuidora nacional de cinema e home vídeo, que, além de distribuir o próprio conteúdo produzido, lançará os de terceiros os quais ela adquirir: versões restauradas de filmes importantes e conteúdo audiovisual em geral (shows; séries de TV; programas e especiais). A Sincronia já está trabalhando nesses projetos com diretores, produtores e artistas do meio audiovisual.

A história de ‘A Tecnologia Social’ acompanha a viagem da jovem designer brasileira Nathalie Siqueira, criadora de um protótipo de aplicativo voltado à educação sexual de jovens e adolescentes, até à África do Sul – onde conhece Saidy Brown, uma garota sul-africana que ficou conhecida mundialmente ao publicar seu status de HIV positivo no Twitter. Juntas, elas visitam a ONG de Mandisa Dlamini, órgão que cuida da preservação da memória de sua mãe – assassinada nos anos 1990 por revelar ser HIV-positivo – e de outras crianças e adolescentes em situação de risco.

Muito além de um documentário intercontinental, este é também o encontro entre mulheres que possuem muito mais em comum do que imaginavam. Por meio de suas histórias, o longa apresenta um olhar singular para o autoconhecimento, amadurecimento e compartilhamento de informações entre pessoas de diferentes culturas e visões de mundo.

Todos os envolvidos neste projeto estão muito felizes e satisfeitos com o resultado. “É muito gratificante ver o sucesso que o documentário está fazendo, tanto que a Sincronia Filmes resolveu até vender a sua versão em DVD – exatamente para poder continuar se comunicando, principalmente, com os jovens e adolescentes”, comemora Nathalie Siqueira.

O DVD está à venda nas livrarias Argumento, no Rio de Janeiro; Itaú Cinemas, na Rua Augusta – em São Paulo; e na Blooks, do Shopping Frei Caneca e do Cinema Reserva Cultural, em São Paulo. A versão On Demand – adquirida pelo NOW, da NET – estará disponível, em breve, na plataforma.

Mais informações:

Trailer Oficial:

Ficha Técnica do documentário ‘A Tecnologia Social’:

Produção, Concepção original e Criação: Emanuel Mendes & Janaina Zambotti

Direção: Patrícia Innocenti

Elenco: Nathalie Siqueira, Saidy Brown, Mandisa Dlamini, Tulio de Oliveira

Edição/Montagem: Alberto Ismael & Emanuel Mendes

Gênero: Documentário / Docudrama

Ano de produção: 2018

País: Brasil

Classificação: 12 anos

Sinopse:

A viagem transformadora da jovem designer brasileira Nathalie Siqueira, criadora de um protótipo de aplicativo voltado à educação sexual de jovens e adolescentes, até à África do Sul. Lá, ela conhece Saidy Brown, garota sul-africana que ficou conhecida mundialmente ao publicar seu status de HIV positivo no Twitter. Juntas, elas visitam a ONG de Mandisa Dlamini, órgão que cuida da preservação da memória de sua mãe – assassinada nos anos 1990 por revelar ser HIV-positiva – e de outras crianças e adolescentes em situação de risco.

Mais do que um documento intercontinental, este é também o encontro entre mulheres que possuem muito mais em comum do que imaginavam, além de ser um inesperado desabrochar de duas jovens que, cada uma à sua maneira, conhecem melhor a si mesmas e enfrentam os desafios da vida adulta.

Sobre a Sincronia Filmes

Criada em agosto de 2011, a Sincronia Filmes é voltada à produção para cinema, publicidade de storytelling para conteúdo de marca, séries para a televisão, projetos audiovisuais para a internet e multimídia em geral. Fundada pelos diretores Emanuel Mendes e Francisco Costabile, deu o pontapé inicial produzindo os curtas-metragens O Homem Que…, Estátuas Vivas e É Quase Verdade. Em coprodução internacional com EUA e África do Sul, produziu e distribuiu de maneira independente o primeiro longa-metragem da casa, o documentário A Tecnologia Social. A produtora trabalha com startups de todos os segmentos – que pensam diferente e fogem do comum –, fornece serviços de edição e finalização em geral, e produz filmes e trabalhos institucionais para mercados que se distinguem em suas respectivas áreas. A empresa se diferencia das demais ao criar uma estrutura de organização completamente autônoma, permitindo trabalhar de maneira inovadora cada projeto, abrindo espaço para novas ideias e métodos alternativos de produção.