Guaíra: Idosos de Guaíra serão vacinados em casa contra a gripe


O Secretário Municipal da Saúde de Guaíra, Jorge Uatanabi do Prado, anunciou nesta segunda-feira, dia 30, uma importante mudança no sistema de vacinação contra a gripe, doença causada pelo vírus Influenza, para os idosos do município. A alteração foi aprovada pelo prefeito José Eduardo Coscrato Lelis.

De acordo com Jorge Uatanabi a partir desta semana os agentes e enfermeiros da Rede Municipal de Saúde estarão se deslocando às residências dos idosos de Guaíra para fazer a imunização contra a doença. A secretaria tem o cadastro dos idosos do município, de acordo com o atendimento já feito a esses pacientes.

A medida visa evitar o trânsito e a aglomeração dessas pessoas nas unidades de saúde do município, onde poderiam ter contato com outros pacientes podendo ser contaminados por outras doenças como a COVID-19 (coronavírus).

“Desde o início da campanha, na última semana, já foram vacinados cerca de 40% desse público, restando cerca de 4 mil idosos para serem imunizados. As USFs, Unidades de Saúde da Família (Postinhos) registraram uma procura muito grande, o que colocou em risco os idosos que são mais suscetíveis às complicações do coronavírus, por exemplo”, explicou o secretário, Jorge Uatanabi.

O secretário esclareceu que a vacina não evita o ataque do COVID-19 (coronavírus), uma vez que trata-se de agentes infecciosos distintos.

Na verdade, ao proteger os idosos do vírus influenza (causador da gripe), essa injeção impede uma sobrecarga do sistema respiratório o que agravaria um eventual ataque do novo coronavírus.

A vacinação também ajuda a diferenciar entre gripe e coronavírus.”Se o sujeito recebeu a dose, porém apresenta sintomas como tosse e falta de ar, provavelmente não é o vírus influenza que os está causando. Aí, dependendo de outros critérios, o médico pode solicitar um exame para verificar a presença do novo coronavírus”, explicou Jorge Uatanabi.

Publicidade:
Anterior Higienização do veículo pode evitar proliferação do Coronavírus
Próxima Covid-19: como fazer a higienização correta de hortaliças e frutas