INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL ACELERA PROCESSOS NO MEIO JURÍDICO E ESTIMULA TRABALHO ESTRATÉGICO DE PROFISSIONAIS DO SETOR


São Paulo, julho de 2020 – A inteligência artificial já está transformando a rotina de firmas de advocacia e departamentos jurídicos no País, e seu papel já vai muito além da automação. Com o aprendizado da máquina, processamento de linguagem natural e soluções cada vez mais avançadas, hoje a tecnologia tem sido uma importante aliada dos advogados nos processos de análises de contratos, gerenciamento de contencioso e outras tarefas que exigiam grande trabalho manual. A startup KOY e a Elaw são exemplos de empresas que já estão otimizando seus processos com as soluções de inteligência artificial de IBM Watson no Brasil.

Além de acelerar processos, as soluções colaboram para que os profissionais do setor ganhem mais tempo para atuar de forma estratégica em demandas de alto valor, já que a tecnologia ajuda a reduzir consideravelmente o tempo de trabalho operacional. Atividades que antes levavam dias, já podem ser realizadas em poucos segundos com a ajuda da IA.

De fato, dados de mercado indicam o avanço da adoção de tecnologias de IA na área jurídica. Segundo o Gartner, até 2023, os assistentes jurídicos virtuais contribuirão para atender a 25% das solicitações internas aos departamentos jurídicos de grandes empresas, aumentando a capacidade operacional das equipes internas.

Descontingenciamento otimizado: valores a recuperar identificados em segundos

Na KOY – Inteligência Jurídica, startup de Recife, que integrou todos os sistemas judiciais brasileiros espelhando andamentos e documentos processuais com informações em tempo real, a plataforma de inteligência artificial ‘Norma’, que usa IBM Watson Assistant rodando na nuvem pública da IBM, vem sendo uma grande aliada na gestão de contencioso.

A tecnologia é uma poderosa aliada para gerar eficiência e otimização nos departamentos jurídicos e escritórios de advocacia. Conforme destaca Karla Capela Morais, CEO e fundadora da KOY, reconhecida pela IBM na lista global Women Leaders in AI como uma das mulheres que estão liderando a implementação da IA nos negócios em todo o mundo, com o suporte da plataforma Norma, processos inteiros passam a ser analisados em segundos, gerando insights sobre os aspectos financeiros para apoiar a tomada de decisão. Assim as empresas conseguem antecipar bloqueios judiciais, localizar ativos judiciais, encerramentos com classificações por motivos e gerar agendamentos inteligentes de providências a serem tomadas, dando visão de gestão 360º. A solução ajuda a economizar tempo e dinheiro, apontando valores a serem descontingenciados para levantar o caixa da empresa. Segundo levantamento da Koy, apenas na Justiça do Trabalho há um valor de cerca de R$ 30 bilhões em tramitação por ano passível de liberação.

“A inteligência artificial tem a capacidade de processar dados massificados de processos, valores, depósitos judiciais, alvarás, entre outros, em linguagem natural e fazer anotações inteligentes para que os advogados tomem providências em tempo real. Graças à essa tecnologia, as empresas tem conseguido se antecipar a bloqueios judiciais e tomar providência a tempo para trocas de garantias. Além disso, em virtude da nossa alta acurácia e velocidade na leitura e processamento de dados em linguagem natural, temos conseguido apontar valores para descontingenciamento num momento em que as empresas precisam encontrar soluções financeiras para seus negócios atravessarem a crise. Geramos recentemente o resultado em um grande cliente de energia que obteve um aproveitamento de 330 milhões de reais em apenas 2 meses com acurácia de 99%.”, destaca a executiva.

Avaliação de contratos e gestão de contencioso

Desde que passou a usar os serviços de IBM Watson Natural Language Understanding e Natural Language Classifier em 2018, a Elaw, que desenvolve soluções tecnológicas para otimizar a gestão de departamentos jurídicos, observou avanços efetivos para seus clientes. A análise detalhada de determinados contratos, por exemplo, que levava 10 dias no modelo convencional, hoje é realizada pelo advogado em menos de 2 minutos com o auxílio da Inteligência artificial.

Na gestão de contencioso é possível identificar automaticamente obrigações de fazer em sentenças e notificar o advogado para que tome providências imediatas. “A solução atingiu 98% de confiança e 99% de acurácia com os modelos desenvolvidos para um cliente com alta demanda. Em algumas empresas, a utilização da IA reduziu significativamente o erro humano, aumentando a assertividade na análise de processos de 60% para 98% gerando uma grande economia no valor provisionado para despesas processuais”, conta Guilherme Bordon, CEO da Elaw.

Profissional mais estratégico e benefícios financeiros

Departamentos jurídicos também estão recorrendo à inteligência artificial para alavancar sua capacidade de atuar de forma estratégica e gerar valor para as empresas. Soluções customizadas são capazes de auxiliar o advogado a realizar o provisionamento de processos de maneira mais assertiva e acelerar levantamentos de garantias processuais. Em ambos os casos, as organizações alcançam benefícios financeiros significativos.

“A incorporação do uso da tecnologia na rotina do profissional do direito é essencial para que ele também consiga lidar com a quantidade exponencial de dados a que está exposto, aumentando sua capacidade de resolver problemas complexos e gerar valor para seus clientes e suas organizações. O emprego adequado da inteligência artificial estimula o potencial humano e tem sido um dos pilares fundamentais da transformação digital que estamos vivendo, e o mundo jurídico também faz parte desta transformação”, avalia Dante Araujo, Diretor Jurídico da IBM Brasil.

Neste contexto, tecnologias como a inteligência artificial deverão se consolidar como a principal fonte de transformação, disrupção e vantagem competitiva na economia para os próximos anos. E, para acompanhar esse movimento, as empresas precisam saber como direcionar seus investimentos; entender os tipos de recursos necessários para obter um melhor desempenho; e implementar uma estratégia de IA responsável e transparente, capaz de manter a confiança dos clientes e partes interessadas e aumentando – não substituindo – a capacidade humana.

Publicidade:
Anterior COMO O ESTRESSE PODE IMPACTAR A SAÚDE DO CORPO?
Próxima CONCURSOS PARA MINISTÉRIOS PÚBLICOS: VEJA AS PRINCIPAIS OPORTUNIDADES PREVISTAS PELO PAÍS