Pesquisa revela que jovens lideram as viagens de avião em 2020 no Brasil 

Levantamento do ViajaNet mostra quem é o novo consumidor de passagens aéreas no País

São Paulo, dezembro de 2020 – A retomada gradual do turismo no Brasil possibilitou que as pessoas voltassem, aos poucos, a planejar e realizar viagens, levando em consideração todos os cuidados e medidas necessárias recomendadas pelos órgãos de saúde. Segundo um levantamento recente feito pela ViajaNet, uma agência de viagens online brasileira, o perfil do turista brasileiro, entretanto, foi modificado durante a pandemia.

Em média, 35,4% dos brasileiros que viajaram entre janeiro e novembro deste ano têm entre 25 e 34 anos. Em seguida, os viajantes com 18 a 24 anos concentram 21,3% do total.

Pessoas acima de 55 anos representaram apenas 14,7%, demonstrando um recuo pela população mais velha. Uma das explicações para essa diminuição é o coronavírus, uma vez que a doença global coloca os idosos no grupo de risco e exige uma atenção direcionada para essa parcela da população.

Viagens nacionais são estimuladas

Ainda de acordo com a pesquisa realizada pela ViajaNet, o território brasileiro passou a ser uma das primeiras opções na hora de decidir o local a ser visitado. O nordeste continua sendo a região mais procurada, com Recife, Salvador e Fortaleza como os três destinos mais buscados, respectivamente.

“Por questões de segurança, os consumidores preferem viagens mais curtas, com tempo de voo mais reduzido, o que acaba tornando o nordeste brasileiro a opção mais procurada para voos neste ano”, afirma Gustavo Mariotto, head of marketing do ViajaNet.

O mapeamento realizado pela agência mostra ainda que, apesar da oscilação de preços no mercado mundial, viajar para o nordeste entre os meses de setembro e novembro foi mais barato esse ano, quando comparado ao exercício anterior. Enquanto em 2019 as passagens para Fortaleza, por exemplo, custavam, em média, R$ 1.076,06, em 2020, custou até R$ 1.053,81. Já para o Natal, o bilhete custava em torno de R$ 1.245,76 e, entre setembro a novembro deste ano, custou R$ 1.186,68.

Confira abaixo os dez destinos mais comprados saindo de São Paulo entre setembro e novembro deste ano:
Destinos

1. Recife

2. Salvador

3. Fortaleza

4. Rio de Janeiro

5. Porto Alegre

6. Florianópolis

7. Maceió 8. Natal 9. Curitiba 10. Belo Horizonte

Turismo responsável

Como medida de segurança, o Ministério do Turismo lançou o programa Turismo Responsável, que estabelece medidas e protocolos de higienização para cada setor, fazendo com que o turista se sinta mais seguro e confiante durante todo o passeio. “Agora além de valores, os protocolos de higienização e distanciamento social são fatores importantes e decisivos para os viajantes”, complementa Gustavo.

Neste sentido, a padronização deste protocolos por parte do Ministério do Turismo ajudou as empresas do setor a se organizarem e se prepararem para receber seus clientes novamente. De acordo com os dados confirmados pela Viajanet, para receber o selo, a empresa deve se cadastrar no Cadastur (Cadastro de Prestadores de Serviços Turísticos) e seguir as orientações. O programa Turismo Responsável faz parte do Plano de Retomada do Turismo Brasileiro, que visa diminuir os impactos da pandemia no setor e organiza a retomada gradual do turismo no Brasil.

Sobre o ViajaNet

ViajaNet é uma agência de viagens online com diferenciais em atendimento e serviços ao e-consumidor, com capacidade de apresentar as melhores opções de mais de 900 companhias aéreas, hotéis e seguro viagem.  A empresa é 100% nacional e aposta no mercado brasileiro, oferecendo ao consumidor a oportunidade de descobrir o mundo em um clique.

Publicidade:
Anterior Governo de São Paulo abre inscrições para curso gratuito e online de Libras
Próxima Day use no Hot Beach está em promoção de verão