53% dos brasileiros pedem empréstimo para pagar dívidas

Pesquisa revela que o principal motivo para pedido de crédito é pagar dívidas, seguido de abertura de um negócio

Entre os meses de janeiro e setembro de 2020, a Fintech de empréstimos Bom Pra Crédito entrevistou seus clientes para entender o motivo dos pedidos de empréstimo. Foram mais de 1 milhão de respostas espalhadas por todo o território brasileiro. Entre os respondentes, assalariados, autônomos e donos de empresa foram os destaques.

Brasil é um país com cidadãos que querem pagar dívidas

Houve respostas de todos os estados brasileiros, incluindo o Distrito Federal. O destaque fica com São Paulo (32%), Rio de Janeiro (10%), Paraná (6%) e Bahia (5%). Em 2019, em pesquisa liderada pela Serasa constatou-se que o número de brasileiros com contas atrasadas bateu recorde e chegou a 63,2 milhões de pessoas. Isso representa 40,4% da população adulta do país. Em comparação com o ano de 2018 há um aumento de 2 milhões de brasileiros, o que representa uma alta de 3,3%.

Que dívidas são essas

Grande parte destas dívidas vêm de cartões e bancos. Depois, utilidades, telefonia, comércio e serviços. Mas, o que leva à falta de pagamento? Os motivos são diversos: Desemprego, diminuição de renda, falta de controle financeiro, cobrança indevida, entre outros.

Brasil, o país do empreendedorismo

O segundo motivo pelo qual as pessoas mais pedem empréstimo, de acordo com a pesquisa, é para abrir ou investir em um negócio. Com o desemprego, ocasionado pela pandemia e crise econômica, o número de pessoas sem emprego, de uma hora para outra, atingiu mais de 13% da população. Sem perspectivas de recolocação a curto prazo, o jeito é encontrar alternativas e empreender é uma delas.

O Brasil caminha a passos largos para se tornar o país do empreendedor. Apenas de janeiro a setembro a quantidade de MEIs (microempreendedores individuais) cresceu 14,8%, quando comparado com o mesmo período do ano anterior, chegando a 10,9 milhões de registros.

Segundo dados do Portal do Empreendedor (Governo Federal), mais de 1,1 milhão de formalizações foram registradas entre o final de fevereiro e o fim de setembro. Hoje, esse número, quando somado às mais de 7,5 milhões de micro e pequenas empresas, atinge a marca de 99% das empresas privadas e 30% do PIB (Produto Interno Bruto) do País.

Para Marco Afonso do Bom Pra Crédito, a importância do crédito no Brasil é dar uma oportunidade às pessoas de organizarem suas contas, darem o primeiro passo como empreendedores, acelerarem o seu negócio ou realizarem um sonho, como fazer a reforma de casa.

Marco afirma ainda que “uma tomada de crédito consciente é importante tanto para o indivíduo quanto para a economia do país, pois ajuda o consumidor a organizar suas contas, o que ajuda na retomada do poder aquisitivo do cidadão. E um marketplace como o Bom Pra Crédito pode ajudar muito nisso, pois dá o poder de escolha da melhor alternativa de crédito ao consumidor”.

Veja a pesquisa de empréstimo Brasil no Blog do Bom Pra Crédito

Marco ainda reitera:

“Reformar imóveis e comprar veículos também estão entre os objetivos dos pedidos de empréstimo. O que confirma a realização dos sonhos. Com a pandemia e mais tempo em casa, os brasileiros puderam entender o que precisavam ajustar nas suas vidas financeiras  e tiveram mais tempo para isso”.

Publicidade:
Anterior CUIDADOS A TER COM A SUA COLUNA: EM CASA O MAIOR INIMIGO É O SOFÁ
Próxima Conheça os principais nutrientes para a saúde e beleza da pele, cabelos e unhas