Leite: um alimento nutritivo e sempre bem acompanhado

E um desses parceiros frequentes é o café. Juntos e misturados esses dois alimentos formam uma das bebidas mais apreciadas pelos brasileiros
Foto de Jason Villanueva no Pexels

Com chocolate, com frutas, com canela ou até com chá, o leite, uma das cinco bebidas mais consumidas no mundo, costuma estar sempre bem acompanhado. Mas um de seus parceiros mais frequentes, que também está entre os mais apreciados do mundo, é o café.

E o que você prefere? Leite com café ou café com leite? Bom, não importa. A ordem desses ingredientes não irá, felizmente, alterar o sabor suave e ao mesmo tempo marcante dessa mistura que está entre as preferidas pelos brasileiros.

É o que sugere dados de uma pesquisa desenvolvida no ano passado pela Behup, consultoria especializada em estudos de comportamento humano e consumo, em parceria com a SIG, uma das líderes mundiais em soluções de embalagens assépticas para indústria de alimentos.

O levantamento, feito para avaliar os impactos da pandemia na alimentação dos brasileiros, reuniu informações e percepções de 2.500 consumidores em todas as regiões do país e de todas as classes sociais.

A pesquisa revelou que 90% da população brasileira consome leite regularmente, sendo que quase 60% (58%) fazem uso do alimento todos os dias. Entre os que têm a bebida como alimento regular na sua dieta diária, 78% disseram que tomam o leite misturado com algum outro alimento, e destes, 81% o consomem com café.

Que o leite com café é uma dupla de sucesso na alimentação isso muita gente já sabe e talvez nem precisasse de uma pesquisa para isso. Mas não custa nada melhorar o que já é muito bom.

A chef Adriana Gomes, que assina várias receitas divulgadas nas redes sociais da Marajoara Laticínios, uma das maiores marcas do país, dá algumas dicas simples, mas que agregam muito sabor a essa mistura tão apreciada.

“O café com leite fica ainda melhor com a adição de alguns ingredientes, como a canela e o chocolate. Outros dois itens que também podem dar um toque especial à bebida são o leite condensado e a baunilha”, sugere Adriana Gomes.

Quer deixar o seu café com leite gostoso e light? Fácil também. Segundo a chef, as dicas para incrementar a bebida também funcionam com os leites desnatados, semi desnatado e zero lactose.

Sucesso nutritivo

De acordo com a nutricionista Lys Ane Souza Araújo (CRN/1: 16743), o leite é uma fonte rica em proteína e cálcio, ou seja, fundamental para a formação e manutenção dos ossos do nosso corpo.

“O alimento auxilia também na prevenção de síndrome metabólica e da diabetes tipo 2, com a redução da pressão arterial etc”, destaca Lys Ane.

Como o leite é uma das principais fontes de proteína e cálcio entre a população brasileira, devido ao seu baixo custo e fácil acesso, a nutricionista também explica que a mistura com o café, além de melhorar o sabor do leite, ajuda a aumentar a aceitabilidade do alimento.

Já o cafézinho, quando consumido com moderação, reduz a sonolência e o cansaço mental, melhora a capacidade de concentração e é uma fonte rápida de energia.

“Alguns estudos sugerem a associação benéfica do consumo do café no combate aos efeitos de doenças como parkinson, alzheimer e diabetes tipo 2”, afirma a nutricionista.

Mas a especialista alerta que, assim como outros alimentos, apesar dos seus benefícios nutricionais, o consumo excessivo deve ser evitado.

Conforme a nutricionista, para o café, o ideal é um consumo diário entre 50 e 300 mg, o que equivale a uma ou duas xícaras de café. Já para o leite, um alimento bastante calórico, a sugestão é de uma ingestão de até três copos de 200 ml por dia.

Anterior VACINA COVID GUAÍRA: Atenção para 2ª dose de quem tomou AstraZeneca/Oxford/Fiocruz em MAIO
Próxima Geadas e juros elevados são uma combinação nociva ao agronegócio