Em registro raro, brasileiros fotografam aurora boreal e erupção vulcânica na Islândia


Um grupo de brasileiros teve a sorte de presenciar a olho nu uma das combinações mais raras entre os fenômenos naturais: a aurora boreal e uma erupção vulcânica na mesma região. A explosão do vulcão perto do Monte Fagradalsfjall, a 40 quilômetros da capital, surpreendeu turistas brasileiros pela primeira vez após a liberação da fronteira da Islândia desde o início da pandemia de Covid-19.

A expedição, comandada por Marco Brotto, conhecido como O Caçador de Aurora Boreal, teve a chance de registrar o espetáculo durante meia hora.

“Foi impressionante ver o rio de lava e na sequência a aurora boreal, dois fenômenos raros da natureza e que aconteceram ao mesmo tempo no mesmo lugar. Uma experiência deslumbrante e totalmente atípica”, conta Brotto, que junto com o grupo não deixou passar a oportunidade e sobrevoaram a cratera com helicópteros.

O grupo de brasileiros viajou para a Islândia após o país liberar a entrada de turistas mediante a comprovação da vacinação por imunizantes aprovados pela Organização Mundial de Saúde. A próxima expedição comandada por Marco Brotto para ver a aurora boreal na Islândia acontece em novembro. Mais informações em auroraboreal.com.br.

Marco Brotto, o caçador de Aurora Boreal
Marco Brotto
Anterior Como cuidar da saúde e higiene bucal do seu pet?
Próxima GUAÍRA: Reforço Vacinal - Cronograma para pessoas de 80 a 84 anos que tomaram a 2ª dose em fevereiro ou março