Os perigos quando não tratamos o Tártaro

Saiba mais sobre esse problema bucal, também chamado de cálculo dental, que além de problemas estéticos pode causar a perda do dente

 

O tártaro é aquela placa amarelada que se forma ao redor dos dentes dentro e fora da gengiva . A Dra Bruna Conde, Dentista Antenada, cirurgiã dentista, e especialista em periodontia, explica que o tártaro basicamente consiste no endurecimento da placa bacteriana ou no biofilme dental presente na sua superfície dos dentes. Dessa forma, ele acaba adquirindo um aspecto de crosta de cor amarelada ou esbranquiçada. “O cálculo dental pode ser formado em volta dos dentes e, ou, dentro da gengiva e acontece devido à calcificação da placa bacteriana que não foi removida corretamente durante a escovação dos dentes.” completa a Antenada.

A Dentista Antenada também alerta sobre a importância de sempre manter a limpeza dos dentes em dia e consultar um especialista qualificado em periodontite regularmente. “A limpeza e raspagem nesses casos precisa ser feita por um especialista, para não causar danos ao dente. Existe uma série de questões que devem ser consideradas para avaliar o tipo de raspagem que cada pessoa precisa, por exemplo, se o paciente possui muito acúmulo de tártaro, se possui muitas manchas nos dentes, quais são os hábitos de higienização, qual a última vez que foi realizada uma limpeza ou raspagem no consultório, se as raízes dos dentes são muito expostas e há muita sensibilidade, qual o tipo de gengiva que o paciente tem. Isso tudo vai influenciar a identificar se será necessário realizar a raspagem profissional em uma ou em mais sessões.” explica Bruna Conde. A saúde bucal é interligada a saúde o corpo todo, portanto o profissional precisa ser informado de como está a saúde do paciente, se ele é diabético, se tem pressão alta, se é gestante…

Outro detalhe que também deve ser analisado é a localização do tártaro. Se ele está em volta dos dentes ou dentro da gengiva também. A Dentista antenada ressalta que uma raspagem mal feita e superficial sem analisar se há tártaro dentro da gengiva pode causar a perda do dente. “Esse acúmulo dentro da gengiva pode deixar o dente mole e com o tempo esse dente pode cair, por isso a importância de consultar um especialista em periodontia” alerta a Dentista Antenada.

O tártaro também pigmenta com facilidade, deixando o dente manchado com cores que vão do esverdeado, marrom e até preto. “E dependendo dos hábitos do paciente, do estilo de vida e do tempo de permanência na boca acaba acarretando na halitose (mau hálito) e amolecimento dos dentes.

É importante saber o motivo do acúmulo do tártaro para ter os cuidados necessários. Se a questão persistir é preciso analisar se existe algum problema de salivação, se o paicnete está usando uma escova ou creme dental adequados, se usa o fio dental corretamente, se a última raspagem foi bem efetuada, tudo precisa ser avaliado.

A Dra. Bruna Conde explica que a remoção das placas calcificadas é feita com instrumentos e técnicas especiais. Uma simples escovação é capaz de prevenir o tártaro, mas não de removê-lo devido a sua dureza. Outro ponto que a Dra. Bruna salienta é em relação a dor. “Raspagem profissional não dói, se está doendo tem algo de errado, ou o profissional não está usando as técnicas corretas, ou o equipamento não é o ideal.” orienta a Dentista Antenada.

Confira algumas dicas da Dentista Antenada para te ajudar a prevenir o tártaro:
1- Escove bem os dentes após as principais refeições, nunca durma sem a escovação e utilize todos os dias o fio dental.

2- Pergunte ao seu dentista se é necessário o uso de escovas auxiliares ( tufo único, interdental), uso de enxaguantes, aparelhos elétricos com água. Se for preciso, o especialista irá orientar como utilizá-lo.

3- Não remova o tártaro/cálculo com unha, palito, espátulas, além de poder ferir a gengiva pode empurrar seu acúmulo para dentro e causar falsa impressão que removeu tudo, piorando ainda mais o quadro de inflamação.

4- Beba água com frequência e faça o teste salivar (sialometria) com um dentista capacitado. Se tiver alterações salivares têm maior chance de acúmulo frequente de tártaro/cálculo.

5- Visite o dentista pelo menos duas vezes ao ano para uma raspagem profissional, bem executada. Não pode ser só profilaxia e polimento ou raspagem em alguns dentes. Todos os dentes devem estar extremamente limpos. Invista em dentistas capacitados. Conheça um bom Periodontista.

Mais sobre Bruna Conde:

Dra Bruna Conde – Dentista Antenada:
Cirurgiã Dentista.
CRO SP 102038

“Sou uma dentista antenada e busco estar ligada em tudo o que faz bem para a nossa saúde.”
Há mais de 10 anos de formada, no mínimo 6000 sorrisos realizados, Dra Bruna Conde é especialista e em frequente atualização. Realiza pessoalmente todos os tratamentos listados em seu consultório através de protocolos baseados em evidência clínica e científica através do largo convívio social de pacientes, mestres renomados e profissionais da área da saúde que visam
o tratamento multidisciplinar. Conhecida por ter uma postura humana, detalhista, visão do paciente como um todo, acolhedora com humor e risada única.

Anterior A pessoa diz não gostar de ler até encontrar um livro que gosta
Próxima As altas temperaturas influenciam a pressão arterial