Pular para o conteúdo

Senac Barretos

VLI abre mais de 50 vagas para a carreira de maquinista

As oportunidades são para Aguaí e Campinas e os selecionados iniciarão o trabalho na companhia em janeiro de 2023

A VLI – companhia de soluções logísticas que opera terminais, ferrovias e portos – está com processo seletivo aberto para preencher mais de 50 oportunidades para a carreira de maquinista no estado de São Paulo. Ao todo, são 20 vagas para trainee de maquinista de viagem em Campinas e 21 para trainee de maquinista de viagem em Aguaí e 10 vagas para maquinistas também em Aguaí. Vale ressaltar que 16 destas oportunidades para trainee de maquinista de viagem são exclusivas para mulheres.

Os candidatos precisam ter ensino médio completo, morar em Aguaí ou Campinas, bem como ter disponibilidade para trabalhar em regime de escala e turno. Os interessados têm até o dia 21 de novembro para se inscreverem pela página de carreira da empresa. A seleção se estende até o dia 10 de dezembro, com fases de triagem e entrevistas. Os selecionados começarão a trabalhar em janeiro de 2023.

Os novos colaboradores terão como benefícios vale-refeição ou vale-alimentação; vale-transporte ou ônibus fretado (dependendo da localização em que irá trabalhar); assistência médica e odontológica; plano de previdência complementar; participação nos lucros e resultados; Gympass (plataforma de academias, com foco em sua saúde e bem-estar); desenvolvimento profissional (por meio da Universidade Corporativa); reembolso educacional; cesta de Natal; auxílio-creche ou auxílio-babá; além de uma rede de descontos em várias lojas, restaurantes, salões e outros.

Formação

A analista de Gente da VLI, Lorena Maria Marinho Ribeiro Santana, destaca que a carreira do maquinista é fundamental para o negócio da companhia. “Investir no desenvolvimento destes profissionais, com programa de formação dos trainees de maquinista de viagem, é incrível. A VLI incentiva e promove a capacitação, bem como o encarreiramento dos empregados. Sendo assim, com estas oportunidades, temos como objetivo formar maquinistas qualificados e capacitados”.

Para tornar-se um maquinista, os profissionais podem começar na VLI em cargos como trainee operacional ou trainee de maquinista. Em ambas as posições, há um investimento nos desenvolvimentos técnico, teórico e prático destes profissionais. O período de formação pode variar de seis a oito meses, entre operação assistida e ações teóricas e práticas. Ao final, são realizadas práticas assistidas com o objetivo de validar o conhecimento adquirido e, conforme o desempenho, o empregado poderá tornar-se maquinista I, podendo trilhar carreira até maquinista IV.

Sobre a VLI

A VLI tem o compromisso de apoiar a transformação da logística no país, por meio da integração de serviços em portos, ferrovias e terminais. A empresa engloba as ferrovias Norte Sul (FNS) e Centro-Atlântica (FCA), além de terminais intermodais, que unem o carregamento e o descarregamento de produtos ao transporte ferroviário, e terminais portuários situados em eixos estratégicos da costa brasileira, tais como em Santos (SP), São Luís (MA) e Vitória (ES). Bicampeã do prêmio Valor Inovação, na categoria “Logística e Transportes”, a VLI transporta as riquezas do Brasil por rotas que passam pelas regiões Norte, Nordeste, Sudeste e Centro-Oeste.