Pular para o conteúdo

Senac Barretos

Seleções da Inglaterra, Brasil e França têm os times mais caros da Copa 2022

O primeiro lugar dos times mais caros da Copa 2022 fica com a Inglaterra

Inglaterra lidera lista de times mais caros da Copa 2022. Foto: IMAGO / Sports Press Photo

Os times mais caros da Copa 2022 são os elencos da Inglaterra, Brasil e França. Um levantamento do Apostagolos.com mostra quais são as equipes com maior valor de mercado, assim como o valor médio de mercado dos jogadores.

O primeiro lugar dos times mais caros da Copa 2022 fica com a Inglaterra. De acordo com as estimativas, o valor de mercado da seleção é de 1,260 bilhão de euros, ou seja, aproximadamente R$6,97 bilhões.

Além disso, a média do valor dos jogadores da seleção inglesa que está na Copa do Catar é de 48 milhões de euros, cerca de R$268 milhões.

Brasil tem a segunda seleção mais cara da Copa do Mundo do Catar

Logo depois, o Brasil tem o segundo dos times mais caros da Copa 2022. Os cálculos apontam que o elenco vale 1,142 bilhão de euros. Ou seja, mais de R$6,32 bilhões.

Com isso, o valor médio de cada atleta convocado por Tite é estimado em 43,9 milhões de euros (R$243 milhões). Vale lembrar que a equipe do Brasil é composta por grandes nomes do futebol, e a maioria dos jogadores convocados está atuando fora do Brasil, como Neymar e Vini Jr.

França fica em terceiro lugar no ranking

Também estrelada por muitos jogadores de peso, a Seleção Francesa é a terceira mais cara da Copa do Catar. O valor de mercado da atual equipe campeã do mundo é de 1,032 bilhão, ou seja, mais de R$5,71 bilhões. O valor médio dos jogadores da seleção francesa é de 39,7 milhões de euros (R$219 milhões).

O craque francês Mbappé, que vive uma grande fase no PSG, é apenas um dos exemplos de jogadores importantíssimos da seleção.

Leia: Campeão em 98,Lizarazu destaca França e Brasil como favoritos

Times mais caros da Copa 2022 são da Europa e América Latina

Os times mais caros da Copa 2022 são as seleções dos países europeus e latino-americanos. Além do Brasil, as equipes da Argentina e do Uruguai estão no top 10 países com os elencos mais caros na edição do Catar da Copa do Mundo de futebol.

Na Argentina, claro, um dos destaques é o capitão Lionel Messi, um dos melhores jogadores do mundo e atacante do PSG. Já na seleção uruguaia, uma das grandes esperanças é Frederico Valverde, que se destaca no Real Madri.

Veja mais: Juventus e Bayern são os times com mais campeões da Copa

Veja quais são os times mais caros da Copa 2022

Confira as estimativas do levantamento do Apostagolos.com. Os cálculos foram feitos na semana de início da Copa do Mundo 2022, com a cotação do euro em R$5,54 (em 24/11/2022).

1 – Inglaterra

Valor médio de mercado dos jogadores: R$268 milhões

Valor de mercado da seleção: R$6,97 bilhões

2 – Brasil

Valor de mercado da seleção: R$6,32 bilhões

Valor médio de mercado dos jogadores: R$243 milhões

3 – França

Valor de mercado da seleção: R$5,71 bilhões

Valor médio de mercado dos jogadores: R$219 milhões

4 – Portugal

Valor de mercado da seleção: R$5,18 bilhões

Valor médio de mercado dos jogadores: R$199 milhões

5 – Espanha

Valor de mercado da seleção: R$4,99 bilhões

Valor médio de mercado dos jogadores: R$192 milhões

6 – Alemanha

Valor de mercado da seleção: R$4,90 bilhões

Valor médio de mercado dos jogadores: R$188 milhões

7 – Argentina

Valor de mercado da seleção: R$3,5 bilhões

Valor médio de mercado dos jogadores: R$134 milhões

8 – Holanda

Valor de mercado da seleção: R$3,25 bilhões

Valor médio de mercado dos jogadores: R$125 milhões

9 – Bélgica

Valor de mercado da seleção: R$3,11 bilhões

Valor médio de mercado dos jogadores: R$119 milhões

10 – Uruguai

Valor de mercado da seleção: R$2,48 bilhões

Valor médio de mercado dos jogadores: R$95 milhões