“190” salva a vida de bebê em Miguelópolis

Aconteceu em Miguelópolis no começo da noite de quarta-feira passada, dia 28 de março, o bebê de 23 dias, Allejandro Teixeira dos Santos após ser amamentado acabou engasgando com o próprio vômito.
Na foto o soldado, Queiroz, a avó Janaina, o PM, Da Matta, com o pequeno Allejandro no colo, a mãe, Farnciele e o PM, Fernando
Na foto o soldado, Queiroz, a avó Janaina, o PM, Da Matta, com o pequeno Allejandro no colo, a mãe, Farnciele e o PM, Fernando
Na foto o soldado, Queiroz, a avó Janaina, o PM, Da Matta, com o pequeno Allejandro no colo, a mãe, Farnciele e o PM, Fernando
Na foto o soldado, Queiroz, a avó Janaina, o PM, Da Matta, com o pequeno Allejandro no colo, a mãe, Farnciele e o PM, Fernando

Aconteceu em Miguelópolis no começo da noite de quarta-feira passada, dia 28 de março, o bebê de 23 dias, Allejandro Teixeira dos Santos após ser amamentado acabou engasgando com o próprio vômito.

A mãe Franciele Teixeira desesperada foi a casa de sua mãe, Janaina Teixeira que é próxima e a avó, Janaina sem saber o que fazer ligou 190 da Polícia Militar.

Do outro lado atendeu o PM, Da Matta, que enviou uma viatura para a casa delas e enquanto os colegas se direcionavam para o local, foi acalmando e orientando a avó em um procedimento para a desobstrução das vias respiratórias no bebê.

Ele pediu que a ao pegasse o bebê e o segurasse de bruços em seu braço, ficando o pequeno Allejandro com o rosto na palma de sua mão e de forma horizontal e com força moderada ela fosse continuamente pressionando as costas do bebê.

Após a orientação do policial Da Matta a avó conseguiu a liberação das vias aéreas do pequeno bebê.

Quando os demais PMS chegaram à casa o menino já respirava sem dificuldades

Como procedimento operacional padrão os policiais conduziram a mãe e a criança até o Pronto Socorro local e onde o bebê passou por exames junto ao médico Zahir Tannous que não constatou nenhuma lesão.

A mãe e a avó foram no Pelotão da Polícia Militar de Miguelópolis e fizeram questão de prestar homenagens a todos os policias que atuaram na ocorrência. Elas foram acompanhadas do bebê Allejandro e posaram para a foto que deve entrar para a história de Allejandro, da família e da PM de Miguelópolis.

por Paulo Sergio Rodrigues (Mtb – 31768) especial para o GuairaNews.com

Publicidade:
Anterior Meu filho quer ser músico! Socorro!
Próxima Resenha: Admirável mundo novo (Brave new world), de Aldous Huxley