A Lua Cheia dos São Jorges

Pela janela avisto a lua, Lua Cheia. Aquela que dizem ser a lua dos namorados, a lua do amor e que ao longo dos séculos é objeto de apreciação no baile celeste. Lua de tantas estórias, de incontáveis histórias.
VAI CORINTHIANS

VAI CORINTHIANSPela janela avisto a lua, Lua Cheia. Aquela que dizem ser a lua dos namorados, a lua do amor e que ao longo dos séculos é objeto de apreciação no baile celeste. Lua de tantas estórias, de incontáveis histórias.

Longe está o tempo em que ouvia que a Lua era a casa de São Jorge e que lá havia também um dragão. Fizeram-me acreditar inclusive que existia a sombra de uma luta épica, entre o guerreiro e a besta, impressa em sua superfície. Mas sobretudo, me fizeram acreditar que a Lua era do vencedor. Qual é a linha que separa a crença do imaginário popular?

Na mistura de lembranças de pequenos sopros de coisas que ouvi e vagas imagens que nem lembro o que são, volta-me à mente a imagem da Lua, branca sobre o escuro céu. Hoje ela está nua, sem as nuvens esparsas e transparentes que lhe cobrem como a lingerie que veste a noiva em núpcias. A Lua está nua e se mostra alva sobre a bandeira negra do céu noturno. Uma bandeira de cores clara e escura. A bandeira alvinegra de São Jorge que irá cobrir o céu na noite mais espetacular que a cidade de São Paulo já teve notícia: a noite da redenção.

São Jorge no céu lunar e milhares de São Jorges em terra unidos por uma única fé, por um único amor e por uma única bandeira. São Jorge e São Jorges, todos guerreiros, unidos em uma única festa sob o brilho da Lua. E como disse Caetano: “Lua de São Jorge, brilha sobre os mares, brilha sobre o meu amor”.

VAI CORINTHIANS

Brilha Lua e mostra o brilho do Guerreiro. Jorge Guerreiro, protege os teus Jorges também guerreiros. Que sejam as cores preta-e-branca de céu e lua, as cores que cobrirão a cidade nesta noite de festa. E que seja feita a festa com a dignidade que teus guerreiros merecem. São Jorge, olha por aqueles que vestem o manto da bravura, da lealdade e que lutam com raça e com fé. Olha pelos milhões de São Jorges guerreiros como tu, São Jorge, para que sejam vitoriosos os guerreiros e erga-se a bandeira alvinegra como nunca antes se esgueu e que esta bandeira se estenda por toda a cidade, por todo o céu e por onde mais o amor alvinegro puder alcançar. Que todos saibam que a fé dos guerreiros move o Estandarte, e que este Estandarte move a fé dos guerreiros. E todos saberão e jamais se esquecerão que esta será a noite dos São Jorges.

E a Lua? Bem, a Lua pode assistir tudo isso lá do alto. Linda, brilhante e sorridente a esperar a volta de São Jorge. Seja a Lua a testemunha da História. Seja a Lua a recompensa platinada que mostrará a todos quais são as cores da cidade, as cores dos guerreiros, as cores da vitória.

Mostra Lua que preto-e-branco são as cores da minha vida, da minha história, do meu amor.

TE AMO CORINTHIANS.

[author] [author_image timthumb=’on’]http://www.guairanews.com/wp-content/uploads/2012/07/gordo.jpeg[/author_image] [author_info]Gordo Ednilson Robert Pio é Corinthiano e Ramonemaníaco. Desenvolvedor Web, apaixonado por HTML e Web Standards. Estuda Análise e Desenvolvimento de Sistemas na FATEC-RL. Curte Blogs (WordPress), Heineken, Punk Rock, Need for Speed e futebol. Taurino incorrigível. Twitter: @gordo_mwd[/author_info] [/author]

Nota do Editor (Ricardo Borghetti): VAI CORINTHIANS!!

Publicidade:
Anterior [Fotos] Baile Junino da APAE (30/junho/2012)
Próxima 17ª edição do ECAL (Encontro Cultural de Arte Livre) acontecerá de 17 a 22 de julho