DAEE vai avaliar sistema de esgoto de Guaíra

Técnicos do Departamento de Águas e Energia Elétrica devem vistoriar, nos próximos dias, o sistema de esgoto de Guaíra

IMG_1707

PSDB busca apoio do Governo do Estado para melhor tratamento de resíduos

Audiência realizada ontem, dia 21, na superintendência do Daee (Departamento de Águas e Energia Elétrica), do Governo do Estado de São Paulo, definiu que técnicos do departamento devem vistoriar, nos próximos dias, o sistema de esgoto de Guaíra. A medida é parte de um diagnóstico atualizado da capacidade do município em coletar e tratar seus resíduos.

Participaram do encontro na capital, o superintendente do Daee, Ricardo Borsari, o deputado estadual Roberto Engler (PSDB) e os vereadores José Natal Pereira e Neto Nogueira, ambos do PSDB. A solicitação para que o Governo do Estado ajude Guaíra a resolver os problemas de saneamento básico é de autoria dos quatro vereadores do partido (além de Natal e Neto, Ana Beatriz Junqueira e José Reginaldo Moretti) e apoiada pelo deputado.

Atualmente, Guaíra conta com quatro diferentes Estações de Tratamento de Esgoto: três delas urbanas, Fogão, Santa Quitéria e Matadouro, e uma em área rural, Guaritá.

Munido de estudos enviados pelo município ao Daee em 2012, no mandato do ex-prefeito José Carlos Augusto, o superintendente Ricardo Borsari, determinou a visita de técnicos ao município para que se tenha um retrato do desempenho dessas estações.

“O funcionamento, a localização e a eficiência do sistema precisam ser devidamente entendidos, para que se defina a melhor alternativa para a solução do problema do esgoto em Guaíra. Queremos o apoio do Governo do Estado para esse diagnóstico, para o planejamento e para a posterior realização daquilo que for definido”, ressaltou o deputado estadual Roberto Engler.

A expansão territorial de Guaíra nos últimos anos e a localização do município entre três grandes rios tornam mais urgente e mais complexa a reivindicação encabeçada pelos vereadores do PSDB. Atualmente, o esgoto da cidade é despejado em riachos que acabam por desaguar no Rio Sapucaí, cruzando com os rios Grande e Pardo.

Publicidade:
Anterior Prefeitura renova contrato com empresa de publicidade durante crise anunciada
Próxima Câmara entregará título de Cidadão Guairense a Rolando Boldrin