Classificados online são principal meio para 65% dos brasileiros buscarem emprego


Cada vez mais os brasileiros utilizam a tecnologia para encontrar vagas de emprego. De acordo com a Pesquisa dos Profissionais realizada anualmente pela Catho, 65,7% dos trabalhadores usam sites de classificados online como principal meio para buscar novas oportunidades profissionais.

Comparando com os dados da pesquisa de 2014, o percentual de profissionais que indica os sites de classificado online como principal meio de busca de vagas aumentou 9,4 pontos percentuais. “A utilização de sites de recrutamento vem crescendo muito nos últimos anos. A possibilidade de enviar currículos para diversas oportunidades de maneira rápida é um dos fatores que explicam a preferência do profissional por essa ferramenta”, afirma Murilo Cavellucci, diretor de gente e gestão da Catho.

A indicação de amigos ou contatos profissionais também ficou bem colocada no ranking dos principais meios usados pelo profissional brasileiro para conseguir um emprego. De acordo com a pesquisa, 54,1% dos entrevistados utilizam o networking para se desenvolver na carreira.

Já o envio de currículos diretamente para a empresa e o uso de redes sociais são o terceiro e quarto meios mais usados por profissionais na busca por emprego, tendo sido apontados por 46,7% e 40,3% dos entrevistados, nessa ordem.

A Pesquisa dos Profissionais também apresenta os métodos mais eficientes para conseguir uma entrevista de emprego na visão dos brasileiros. A indicação de amigos garantiu um encontro com a empresa em 41,3% dos casos. Já 39,6% dos profissionais que assinaram sites de classificados online conseguiram um convite para participar de uma entrevista.

Meios utilizados para conseguir emprego

Busca

pela vaga

Sucesso no chamado para entrevista

Site de classificados online de vagas como Catho

65,7%

39,6%

Indicação de amigos ou contatos profissionais

54,1%

41,3%

Trabalhe conosco da empresa ou envio de currículo

46,7%

17,0%

Redes sociais

40,3%

12,7%

Agências de empregos

33,0%

17,0%

Anúncio em jornal ou revista

20,6%

6,9%

Listas de e-mail ou grupos de discussão na internet

15,2%

3,2%

Consultoria de recrutamento ou headhunter

13,4%

6,4%

Anúncio no próprio mural da empresa

7,1%

1,2%

Empresa de recolocação ou outplacement

7,1%

2,0%

Anúncio no mural ou site da faculdade escola

6,9%

1,3%

Outro

3,5%

12,3%

 

“Com o aumento da competitividade no mercado de trabalho, o profissional precisa estar cada vez mais atento às diversas formas que ele tem à disposição para se recolocar ou até mesmo para conseguir uma oportunidade melhor. É fundamental sempre buscar algo a mais para conquistar o desenvolvimento de carreira”, diz Cavellucci.

Pesquisa dos Profissionais Catho 2015

A Pesquisa dos Profissionais Brasileiros – Um Panorama sobre a Contratação, Demissão e Carreira dos Profissionais é uma publicação da Catho, site de empregos líder no Brasil, desde 1988. Originalmente lançada a cada dois anos, passou a ser anual em 2013.

O levantamento de 2015 contou com 23.011 respondentes de todo o Brasil. Do total de respondentes, 54,2% estão empregados; sendo que 29,7% são de grandes empresas (com mais de 500 funcionários). A pesquisa foi feita no período de 13 de junho a 29 de julho de2015

Sobre a Catho

A Catho tem como objetivo principal facilitar contratações, funcionando como um canal entre o candidato que busca novas oportunidades e as empresas e consultorias de RH que buscam candidatos. Todos os meses, mais de 10 mil contratações são feitas por meio do site, que hoje tem mais de 290 mil vagas de emprego anunciadas. Atualmente, a Catho oferece produtos direcionados aos profissionais, como Análise e Elaboração de Currículo, Guia de Profissões e Salários, Por Dentro das Empresas, Simulação de Entrevista e Cursos Rápidos, bem como soluções para empresas na atração e gestão de pessoas, como a publicação de vagas, a busca de currículos e a Pesquisa Salarial e de Benefícios.

Publicidade:
Anterior Dicas de segurança para as compras durante a Black Friday
Próxima SEM DESCULPAS: DICAS PARA NÃO INVENTAR PRETEXTOS E NÃO DESISTIR DE MALHAR