De 18 a 24 de maio, a Imprensa Oficial (IMESP) oferece 40% de desconto nos livros da categoria Direito nas suas livrarias virtual e física (R. 15 de Novembro, 318 – Centro – São Paulo/SP).

Confira abaixo algumas das opções do catálogo:

Dicionário de Segurança e Defesa (IMESP/UNESP)

Publicado pela Imprensa Oficial, em coedição com a editora Unesp (Universidade Estadual Paulista), o Dicionário de Segurança e Defesaapresenta quase cem verbetes explanados por meio de uma abordagem multidisciplinar, com conceitos de áreas diversas do conhecimento, como sociologia, antropologia, ciência política e relações internacionais. Obra pioneira na área, organizada por Héctor Luis Saint-Pierre e Marina Gisela Vitelli, o dicionário de campo específico une a facilidade de consulta à alta qualidade dos especialistas convidados para a escrita das definições.   Além de agrupar conceitos e esclarecer questões semânticas e históricas ao público geral, o Dicionário de Segurança e Defesa serve como ferramenta para o pesquisador e estudante da área.

 

 

1988|2018 30 Anos da Constituição Federal do Brasil (IMESP)

Celebrando o aniversário de três décadas da Carta Magna do país, o livro 1988|2018 30 Anos da Constituição Federal do Brasil reúne 21 artigos sobre temas como intolerância, violência, insegurança jurídica, a forma como a Constituição vem sendo aplicada, entre outros. Os textos foram escritos por juristas, mestres em direito, antropólogos e pesquisadores. O volume foi coordenado pelos advogados Belisário dos Santos Jr. e Rafael Valim.

 

 

1948|2018 70 Anos da Declaração Universal dos Direitos Humanos (IMESP)

Editado pela Imprensa Oficial em parceria com a Escola Superior do Ministério Público (ESMP), o livro 1948|2018 70 Anos da Declaração Universal dos Direitos Humanos reúne textos de 31 autores que fazem uma reflexão sobre os 30 artigos da Declaração Universal dos Direitos Humanos, adotada pela Organização das Nações Unidas (ONU) em 10 de dezembro de 1948. A obra é organizada pela ex-Secretária de Justiça do Estado e ex-Secretária Municipal de Direitos Humanos de São Paulo Eloisa de Sousa Arruda; e o cofundador do Observatório Constitucional Latino-Americano (OCLA) e professor de Direitos Humanos e Direito Constitucional Flávio de Leão Bastos Pereira.

 

Sobre a Editora da Imprensa Oficial

Fundada em 1891, a Imprensa Oficial surgiu da necessidade da publicação dos atos oficiais do Governo, respeitando os ideais da recém-proclamada República. Desde 1942, publica livros e coleciona prêmios literários e de excelência gráfica. Destacam-se 50 Prêmios Jabuti, o maior reconhecimento literário do país, conquistados em diversas categorias. Entre as obras laureadas, duas ganharam o prêmio de Melhor Livro de Ano: Resmungos, de Ferreira Gullar; e Monteiro Lobato: livro a livro, em coedição com a editora Unesp, de Marisa Lajolo e João Ceccantini.