Com as altas temperaturas dos últimos dias, a Defesa Civil de Guaíra, órgão ligado à Guarda Civil Municipal, registrou um aumento nas ocorrências de crianças nadando no Lago Maracá. Há muitas décadas é proibido nadar no lago. A preocupação da Prefeitura sempre foi com a integridade dos munícipes, uma vez que nadar em locais inapropriados implica em alto risco de afogamento.

De acordo com o Coordenador da Defesa Civil de Guaíra, GCM Paulo Sérgio da Silva, “a prática do banho recreativo deve ocorrer em locais seguros, como piscinas e praias com estrutura apropriada, como vigilância de salva vidas treinados”, esclareceu.

A Prefeitura de Guaíra disponibiliza gratuitamente piscinas públicas, no CSU – Centro Social Urbano –, Centro de Lazer José Pugliesi Júnior e EMEF Vera Vitali. Os interessados devem procurar o Departamento de Esportes, junto ao Conjunto Poliesportivo “Ramize Elias”, em horário comercial para providenciar sua documentação.

“Quando os munícipes avistarem alguém nadando no Lago Maracá, a Defesa Civil e a Guarda Municipal devem ser acionadas pelo telefone 199. No caso de menores, estes serão encaminhados ao Conselho Tutelar que tomará as medidas cabíveis acionando os pais ou responsáveis legais” alertou Paulo Sérgio.

Mesmo para aqueles banhistas que desfrutarão de momentos de lazer em locais adequados a Defesa Civil disponibiliza algumas dicas cruciais para evitar afogamentos: