Amanhã Cruz Vermelha MG promove uma das maiores homenagens aos profissionais da saúde, com projeções em prédios pela cidade, com mensagens de gratidão

Ação batizada de #FRENTEDOBEM vai surpreender e emocionar a capital mineira

O feriado da Páscoa em Belo Horizonte inspirou a Cruz Vermelha MG… Neste sábado, a instituição fará uma grande ação de homenagem e acolhimento aos profissionais da saúde, a #FRENTEDOBEM. A partir das 18h30, inúmeros prédios e cartões postais da capital mineira serão palco de projeções gigantescas, que trarão mensagem de agradecimento e apoio aos mais de oito mil médicos, enfermeiros, auxiliares e demais profissionais que estão lutando bravamente pela vida dos pacientes acometidos pela Covid-19.

“Tentamos escolher alguns dos mais significativos pontos da cidade, uma forma de envolver toda a sociedade e mostrar a gratidão de todos nós a estes profissionais que fazem a diferença e que não se cansam de lutar pelas vidas de pessoas que estão enfrentando uma das piores pandemias de todos os tempos”, destalha o Conselheiro Estadual da Cruz Vermelha MG, Ricardo Márcio Oliveira.

O Mineirão, símbolo do futebol mineiro e cartão postal de Minas Gerais, um dos maiores estádios do Brasil vai participar da #FRENTEDOBEM com uma mensagem iluminada de solidariedade. A partir das 17h e pela noite à fora, o Mineirão será completamente colorido de vermelho, em apoio aos profissionais da linha de frente da Covid-19 em Belo Horizonte. Depois da iluminação especial, o espaço receberá frases projetadas feitas pelas pessoas pelo @cruzvermelhabrasileiramg.

Outros prédios da capital também receberão as mesmas luzes vermelhas, fortalecendo a corrente, entre eles o Complexo Cultural Presidente Itamar Franco, que abriga a Sala Minas Gerais, Casa da Orquestra Filarmônica de Minas Gerais, a sede da Rede Minas de Televisão e Rádio Inconfidência, além da sede do Banco Inter, também parceiro da ação, na avenida Barbacena 1219, Santo Agostinho.

Projeções terão início às 18h

As mesmas mensagens também serão projetadas à noite nos seguintes pontos da capital: Às 18h, no Hospital Odilon Behrens; às 18h40 na Praça Sete de Setembro; às 19h20 no Terminal JK; às 20h na Praça da Savassi; às 21h30 no Belvedere, em frente ao Posto Fernanda. Além das frases de amor, a ação também irá projetar nos prédios informações de saúde e prevenção para a população voltadas ao combate à Covid-19.

Chocolates + mensagens

Aproveitando a época de chocolates, mais de 40 voluntários da Cruz Vermelha entregarão presentes com doce e mensagens de apoio a cerca de 8 mil trabalhadores e trabalhadoras em quatro grandes hospitais e no Instituto Médico Legal em dois horários: às 6h30, no nascer do dia, e às 18h30, ao entardecer, durante a troca dos turnos das equipes. Os locais são: Hospital Eduardo de Menezes, Hospital Julia Kubitschek, Hospital Odilon Behrens, Santa Casa de Misericórdia e Instituto Médico Legal.

 

Locais, endereços e horários das projeções:

Hospital Odilon Behrens (Rua Formiga, 50, São Cristóvão) – às 18h

Praça Sete de Setembro às 18h40

Terminal JK às 19h20

Praça da Savassi às 20h

 

#FRENTEDOBEM: LANÇAMENTO DA ESCUTA PSICOLÓGICA EMERGENCIAL

A saúde mental e o bem-estar dos profissionais que atuam em todos os setores do enfrentamento à Covid-19 é uma das preocupações da Cruz Vermelha Brasileira, ao longo de todo o país. Em Minas Gerais, junto com a #FrenteDoBem, será lançada a Escuta Psicológica Emergencial, ação da área psicossocial da organização, com metodologia já aplicada em situações de resposta a desastres ou eventos de grande impacto. Com o mote “Não posso te abraçar, mas posso te escutar”, o serviço é totalmente gratuito.

Todos os profissionais dos hospitais visitados e do IML receberão as orientações para acessar o atendimento, se desejarem. Os demais agentes de linha de frente da saúde interessados podem acessar o link bit.ly/CVBprofsaude. Após se cadastrarem, terão acesso à linha direta, por telefone, para contato com equipe especializada de mais de 10 profissionais da psicologia ligados à Cruz Vermelha Brasileira.

 

SOBRE A CRUZ VERMELHA

Com mais de 150 de história e presente em cerca de 200 países do mundo, a Cruz Vermelha representa o maior movimento de ação humanitária do mundo, com milhões de voluntários em tempos de guerra ou paz. Seu objetivo é atenuar os sofrimentos humanos, a partir de sete princípios fundamentais: humanidade, neutralidade, independência, voluntariado, unidade, imparcialidade e universalidade. No Brasil, estes ideais vieram a se consolidar em 1908, com a instituição da Cruz Vermelha Brasileira.

SOBRE A CRUZ VERMELHA EM MINAS GERAIS

A Cruz Vermelha Brasileira –  Filial Minas Gerais atua no estado há 106 anos. Fundada no início do século XX pelo Tenente Francisco Ribeiro de Carvalho e reestruturada em 1942 pelo professor Clóvis Salgado, a instituição reúne projetos de assistência à juventude, à terceira idade, treinamentos em resgate e primeiros socorros, atividades comunitárias, além de campanhas humanitárias em situações de desastres ou outros eventos de vulnerabilidade, dentro ou fora de Minas Gerais.

SERVIÇO: #FRENTEDOBEM

Ação de apoio aos profissionais de linha de frente da Saúde em Belo Horizonte

Realização: Cruz Vermelha Brasileira – Filial Minas Gerais

Entrega de brindes e mensagens de apoio nos hospitais, iluminação de pontos turísticos e prédios, projeções em diversos pontos da cidade, lançamento do serviço de Escuta Psicológica Emergencial da Cruz Vermelha para os profissionais de saúde.

Anterior Canoa polinésia: a história desconhecida da modalidade no Brasil
Próxima Municípios paulistas se unem em campanha de combate à fome