Confira dicas para começar o ano poupando dinheiro


O novo ano se aproxima e com ele novas resoluções financeiras, não é mesmo? É importante saber onde investir, como sacar previdência privada e, principalmente, saber como poupar dinheiro para ter mais liberdade financeira.

Estabelecer metas é importante para deixar a vida financeira em ordem e, para te ajudar nesse importante planejamento, reunimos dicas importantes para que você comece 2021 poupando dinheiro. Confira!

Controle o fluxo financeiro e faça sua planilha

O primeiro passo para poupar dinheiro, em qualquer época do ano, e conquistar objetivos financeiros é criar o hábito de controlar o seu fluxo financeiro e fazer suas planilhas com entradas e saídas.

Não é possível poupar dinheiro sem saber o que você tem no seu orçamento mensal. Pode parecer estranho dizer sobre isso, mas muitas pessoas de fato não conhecem sobre o que ganham e o que gastam.

Sendo assim, para o próximo ano, se organize, crie sua planilha e registre tudo o que acontece em sua vida financeira em 2021. Anote até os pequenos gastos diários e não deixe nada de fora em seu controle financeiro.

Identifique categorias e estabeleça prioridades

Ao entender suas entradas e saídas defina categorias e entenda o que te faz gastar mais e menos dentro de cada mês. Ao identificar gastos fixos, contas e variáveis, é possível estabelecer prioridades e excluir gastos desnecessários.

Podem parecer inofensivos, mas cada cafezinho, ida à padaria e compra no delivery, por exemplo, podem ser um grande vilão para suas contas mensais. É importante olhar para seu fluxo financeiro e estabelecer prioridades para que 2021 seja mais tranquilo financeiramente.

Estabelecer prioridades não é sobre reduzir drasticamente o padrão de vida, mas sim gastar menos do que ganha e ter consciência sobre os gastos e sobre o que pode ser retirado.

Busque reduzir despesas que não sejam tão necessárias como compras por impulso, pacotes de TV a cabo que não são tão utilizados, streaming não utilizados, anuidades de cartões, manutenção de contas e diversos outros pequenos pontos que parecem que não pesam em muito em seu mês, mas que fazem toda a diferença no seu orçamento.

Defina metas

Como você já categorizou e estabeleceu prioridades, é preciso definir suas metas para 2021. Com seus objetivos definidos, será possível entender o que será preciso fazer para que seu dinheiro trabalhe para você.

É interessante estabelecer metas de curto, médio e longo prazo e focar em cada uma delas para poder se organizar financeiramente para que elas sejam cumpridas da melhor forma possível.

Pague suas dívidas

Infelizmente, não é possível poupar dinheiro se o ano começa com dívidas acumuladas. Então, antes mesmo de pensar em guardar dinheiro, é preciso priorizar o pagamento de dívidas para sair do vermelho.

Mesmo que não seja possível fazer tudo de uma só vez, estabeleça ordens de pagamentos, busque as contas com juros mais altos como cheque especial e cartão de crédito para que elas não se tornem uma grande bola de neve.

Busque refinanciar dívidas e fazer acordos e, se você tem 13º salário ou bônus no fim do ano, aproveite-o para pagar o que você deve.

Invista seu dinheiro

Mais do que guardar dinheiro, para que sua vida financeira seja ainda mais próspera em 2021, é importante investir e fazer com que a renda trabalhe para você.

Aproveite o planejamento e estude um pouco sobre o mundo financeiro, conheça possibilidades, entenda seu perfil financeiro e escolha investimentos que fazem sentido para seus objetivos.

Seja para curto ou longo prazo, diversifique sua carteira o quanto puder e faça com que os investimentos se tornem um hábito frequente em seu próximo ano.

Dessa forma, além de poupar, você também consegue reforçar suas finanças para que seus planos saiam do papel.

Como está seu planejamento financeiro para 2021? O que você precisa mudar em comparação a esse ano sobre sua relação com o dinheiro? Pensar sobre suas finanças é essencial para um ano mais tranquilo. Aproveite nossas dicas e se organize agora mesmo!

Anterior Vale a pena confiar nos serviços de redação do Studybay?
Próxima Mais de 100 milhões de pessoas já aderiram ao PIX! Saiba por quê!